Guia de jogos Jony Games

The Last of Us Part 2: Saiba tudo sobre o seu lançamento

Escrito por Leonardo Carregal

Um jogo eletrônico que envolve ação, aventura e, acima de tudo, a luta pela sobrevivência. Este é o The Last of Us, que ficou famoso em 2013, após cair nas graças do público.

Desenvolvido pela Naughty Dog, mesma criadora de Crash Bandicoot e Uncharted, o The Last of Us foi lançado inicialmente para o PlayStation 3 e publicado pela Sony Computer Entertainment. Aclamado pela crítica e elogiado pelo enredo e por seus personagens, o game foi considerado um dos melhores jogos eletrônicos da história e venceu uma série de prêmios na época.

Se você ficou fissurado na primeira parte, pode se preparar porque a segunda está a caminho e vai surpreender a todos. Descubra o que você pode esperar da continuação desse aclamado jogo e corra para a pré-venda:

Enredo

Na história original, um surto de mutação do fungo Cordyceps atingiu os Estados Unidos em setembro de 2013, fazendo com que vários humanos infectados se transformassem em uma espécie de monstros canibais. Para fugir desse caos, Joel, interpretado por Troy Baker, foge com seu irmão e a filha, a fim de encontrar ajuda, mas acaba passando por perdas significantes que o levam a trabalhar como contrabandista.

Assim, o destino faz com que ele conheça os Vagalumes, uma milícia liderada por Marlene, uma mulher que faz promessas a Joel, caso ele se encarregue de escoltar a adolescente Ellie, interpretada por Ashley Johnson, até os membros do grupo que estão escondidos fora da zona de quarentena.

O problema é que Ellie estava infectada e foi descoberta como imune à mutação, o que é trabalhado ao longo da carga dramática do game, enquanto o usuário é capaz de controlar Joel em sua jornada por um Estados Unidos pós-apocalíptico. E, assim, ao chegarem em Salt Lake City, os dois são capturados e levados para um hospital, onde a adolescente será exposta a uma cirurgia para remover a parte infectada do cérebro e, assim, reproduzir uma vacina com a cura.

A questão é que, a essa altura, a relação de Joel e Ellie já está como a de pai e filha e ele, naturalmente, não está disposto a deixá-la morrer para que o mundo possa ser salvo. Com isso, ele mente para a jovem, a salva do procedimento e, claro, coloca toda a humanidade em risco novamente com sua escolha.

Mas por que saber desse contexto? Porque ele será muito relevante para o The Last of Us Part 2. A sequência irá se passar cerca de cinco anos após o fim do primeiro jogo e agora Ellie terá dezenove. Durante esse período entre uma história e outra, será possível perceber que os dois protagonistas não estarão tão próximos quanto o público pensa. Muito pelo contrário, haverá um distanciamento entre os dois.

Isso, inclusive, já foi abordado pelo diretor do jogo, Neil Druckman, em uma entrevista ao The Hollywood Reporter. De acordo com ele, o motivo desse afastamento só será revelado durante o próprio game. Mesmo assim, Druckman já deixou uma dica de que “O peso das escolhas feitas no primeiro jogo estão chegando ao segundo”.

Se esse vai ser o motivo de uma história ainda mais surpreendente, não se pode afirmar. O que é certo é que Ellie estará em uma jornada de vingança, cheia de ódio para dar e vender e, bem, essa pode ser uma combinação perigosa e violenta.

Jogabilidade

Segundo a própria Naughty Dog, The Last of Us Part 2 é o maior e mais ambicioso jogo produzido pelo estúdio até hoje. Para se ter uma ideia, ele é 50% maior que seu antecessor e isso não diz respeito apenas ao tempo de jogo, como também a toda a experiência sensorial que o usuário irá sentir.

Agora, o controle do jogo não estará em Joel e sim, em Ellie e todo o projeto envolve uma cinemática incrível, além de mais áreas para explorar, indo desde as florestas tranquilas de Jackson até às ruínas de Seattle, e mais personagens que irão surpreender, como Dina, que faz par romântico com a adolescente.

Ademais, sua jogabilidade estará mais leve. Ao contrário de Joel, Ellie é mais ágil e tem muito mais mobilidade, características que foram bem exploradas no jogo, acrescentando saltos, esgueirar-se pelo chão, esquivar-se melhor e até mesmo se esconder na grama. Assim, apesar de não ter toda a força de seu protetor, a jovem ficou muito mais “fluida” para combater seus inimigos corpo a corpo e com muita intensidade.

E, por falar nos inimigos, prepare-se! Eles poderão detectar Ellie pelos batimentos cardíacos, o que faz com que o jogador sinta a emoção dos riscos de vida ou morte da personagem. Por outro lado, ela também estará com uma variedade de armas a serem usadas e ainda terá itens para cria-las e lutar como a verdadeira guerreira que é.

Outra variação é que, ao contrário do primeiro jogo, no qual o modo multiplayer permitia que até oito pessoas participassem das partidas, o The Last of Us Part 2 não terá essa função.

O visual

Com um gráfico poderoso e cenários impressionantes, The Last of Us Part 2 proporciona ao jogador uma série de detalhes jamais imaginados, como flocos de neve caindo nas roupas, marcas das patas de cavalos no chão e pequenas sujeiras nas unhas de Ellie, dando um tom mais realista à obra.

Nesta continuação, a luz artificial já existe e é possível ver lâmpadas e lanternas iluminando os ambientes. Além disso, os cenários estão com muito mais altura, especialmente para que a personagem possa saltar para todos os cantos, como já abordado acima na jogabilidade.

Inclusive, para quem gosta de uma fotografia de tirar o fôlego e um ar de que está, praticamente, assistindo a um vídeo ou filme, pode ficar despreocupado porque o game vai cumprir com o requisito.

Onde encontrar?

Disponível para PS4 e PS5, The Last of Us Part 2 está com lançamento previsto para 29 de maio de 2020. No entanto, você vai poder comprar na pré-venda e se encher de orgulho por ter acesso exclusivo a esse jogo enquanto todos os outros estarão correndo para adquiri-lo.

Acesse o e-commerce da Jony Games e garanta o seu. E aí, você está preparado para esse combate brutal ao lado de Ellie e Joel?

Share This